Projeto Escola Modelo de Ética no Desporto

Inserido no Plano Nacional de Ética no Desporto (PNED), uma iniciativa governamental promovida pelo Instituto Português do Desporto e Juventude, o Projeto Escola Modelo de Ética no Desporto é promovido pela Federação Portuguesa de Corfebol (FPC), tendo o CASPAE como parceiro em Coimbra.

Desde 2017, o CASPAE, no âmbito da parceria com a FPC, lançou a Academia de Corfebol do 1.º Ciclo do Ensino Básico, no Agrupamento de Escolas Coimbra Sul, tendo, para tal, sido levadas a cabo ações de formação que permitiram capacitar os técnicos das Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC) para o desenvolvimento da promoção da prática desportiva do Corfebol nas escolas.

Até ao final do ano 2018, resultado da parceria entre a FCP e o CASPAE e no sentido de responder à necessidade e interesse na disseminação deste desporto no âmbito escolar, este projeto chegou ao Agrupamento de Escolas Eugénio de Castro e, portanto, também, aos alunos do 2.º CEB.

Ainda em 2018, o CASPAE levou o Projeto Escola Modelo de Ética no Desporto aos estudantes do ensino superior do Instituto Politécnico de Coimbra, numa ação com o apoio do ISEC da qual resultou a formação da Equipa de Corfebol do ISEC que representará a instituição nos campeonatos universitários.

Entidade Proponente: Federação Portuguesa de Corfebol

Parceiros do Projeto: IPDJ/PNED; CASPAE